Fundos de Investimento Fechados – Alteração da tributação

Repost de comunicação da Giovanini Advogados aos clientes….
Apesar da pressão de “alguns”, é obvio que este é um caminho legítimo (só equaliza o tratamento fiscal dado a todos os investidores), que aumenta a arrecadação do governo, tanto no processo daqui para frente, como na cobrança do imposto represado…
GFA – Giovanini Filho Advogados
Caros clientes e colegas,
Comunicamos que no dia 11.07 foi publicado o Projeto de Lei do Senado (PLS) no. 336/2018, de iniciativa do senador José Serra (PSDB/SP), com o objetivo de alterar a tributação das aplicações em fundo de investimento pelo imposto de renda a partir de 1º de janeiro de 2019. Está aberto prazo até o dia 02.08.2018 para apresentação de emendas ao PLS à Comissão de Assuntos Econômicos do Senado Federal.

Referido PLS propõe mudanças relevantes para os fundos de investimento constituídos sob a forma de condomínio fechado (o que inclui os fundos exclusivos) e para os Fundos de Investimento em Participações (FIP), Fundos de Investimento em Cotas de Fundos de Investimento em Participações (FIC-FIP) e os Fundos de Investimento em Empresas Emergentes (FIEE). O PLS contém essencialmente as mesmas disposições da Medida Provisória no. 806/2017, a qual não foi convertida em lei em razão do decurso do prazo constitucional de análise pelo Congresso Nacional. Não foram contempladas no texto do PLS as modificações à Medida Provisória no. 806/2017 discutidas durante os trabalhos do Congresso Nacional.

Permaneceremos acompanhando a questão para informar caso haja novidades relevantes.

Clique aqui para saber mais sobre o assunto.

Atenciosamente,

Renato Giovanini Filho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *